Autores de trabalhos vencedores do Prêmio Roche vão receber bolsa para formação acadêmica

Bolsa de treinamento Prêmio Roche

Além do troféu comemorativo e do certificado dados aos jornalistas vencedores do Prêmio Roche de Jornalismo em Saúde, um novo prêmio será entregue em 2021: uma bolsa de formação acadêmica de até $5.000 dólares (menos taxas bancárias).

Este prêmio é a principal novidade da nona edição da premiação e um importante incentivo aos jornalistas da América Latina que pretendem ampliar sua formação em jornalismo e áreas afins e desenvolver trabalhos com qualidade, rigor e excelência.

O Prêmio Roche tem as inscrições abertas na edição deste ano nas categorias Jornalismo Escrito, Jornalismo Audiovisual e Cobertura Diária, e o vencedor em cada uma será merecedor da bolsa, levando em conta as seguintes condições:

No caso de o trabalho vencedor ser de uma equipe jornalística, os autores vão escolher um representante do grupo para receber o valor e os benefícios da bolsa.

A Fundação Gabo vai pagar a bolsa diretamente à universidade ou centro de educação escolhido pela pessoa vencedora. No caso de o valor do curso ser superior ao da bolsa, o jornalista poderá assumir a responsabilidade pelo valor excedente.

A bolsa poderá ser usada até dois anos depois da cerimônia de entrega do Prêmio.

A bolsa não vai estar destinada a gastos de viagens, traslados, manutenção ou outros gastos que não sejam relativos ao curso em si.

Conheça mais detalhes nas regras do Prêmio Roche

Ferramentas para a formação acadêmica

Enquanto não chega o momento de conhecer os vencedores da nona edição do Prêmio Roche, que serão beneficiados pela bolsa acadêmica, e com o objetivo de seguir entregando recursos para um bom exercício jornalístico, compartilhamos algumas recomendações úteis para a formação na área (principalmente em relação à COVID-19) dadas por Adriana Amado, dirigente da associação civil Infociudadana, dedicada à formação de jornalistas e comunicadores sociais:

Reuters Institute for the Study of Journalism, da universidade de Oxford, é a central de pesquisa de meios e consumo de informação mais atualizada, com seminários web periódicos. Tem pesquisas sobre informações sobre COVID-19 que podem orientar em outras temas de saúde. Muitas de suas publicações têm resumo em espanhol

Ethic, uma revista humanística que pode servir de inspiração para cobrir temas de saúde com enfoques alternativos como a filosofia ou a ética. Desenvolveu uma série sobre a pandemia com especialistas renomados.

Science Direct é um site com artigos científicos e publicações de acesso livre. Aqui está um artigo com numerosas fontes sobre os fatores sociais vinculados à COVID-19, um possível ponto de partida para desenvolver esses aspectos da cobertura de saúde.

Infociudadana compartilha em seu canal no YouTube vídeos de cursos sobre temas relacionados a saúde e pandemia. Na conta @infociudadana_ anunciam os próximos seminários e publicações sobre jornalismo, com acesso livre.

Our World in Data é um site que ganhou fama como referência para a pandemia por compilar informação oficial de cada país e integrá-las para uma consulta comparativa. É uma iniciativa da Universidade de Oxford.

Monitor de dados COVID-19 da Fundación Avina: este portal oferece dados sobre contágios, mortes e vacinas no mundo todo, apresentados de maneira comparativa e com possibilidade de obtenção dos dados em formatos abertos.

Unicef COVID-19 Vaccine Market Dashboard é um portal que monitora a distribuição de vacinas a partir de fontes jornalísticas e oficiais.

– Agências de regulamentação de medicamentos como a European Medicines Agency, a Anvisa, do Brasil, ou a Agencia Nacional de Medicamentos, do Chile.

Sobre o Prêmio Roche

O Prêmio Roche de Jornalismo em Saúde é uma iniciativa da Roche América Latina em parceria com a Secretaria Técnica da Fundação Gabo, que busca reconhecer a excelência e estimular a cobertura jornalística de qualidade relacionada à saúde na América Latina.

Em 2021 os melhores trabalhos serão reconhecidos nas categorias Jornalismo Escrito, Jornalismo Audiovisual e Cobertura Diária. A pessoa ou equipe jornalística vencedora de cada categoria (no caso de um trabalho coletivo, a equipe deverá escolher um representante) receberá uma bolsa de estudo de até 5.000 dólares. Em cada categoria será dada uma menção honrosa para o tema de acesso à saúde; uma menção honrosa também será concedida em jornalismo de soluções e outra em cobertura jornalística da COVID-19.

Tem até 9 de junho de 2021 para registrar seu trabalho. Conheça as bases do Prêmio aqui. Seu trabalho merece ser reconhecido!

Feito com por

Pin It on Pinterest